Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Irreverências No Feminino

By Marta Leal

Irreverências No Feminino

By Marta Leal

Sempre um passo a seguir ao outro.

images (8).jpg

 

Um dia alguém me disse que era importante termos coragem para sermos imperfeitos. Agarrei o lema e fiz dele parte integrante de mim. Mais que coragem para sermos perfeitos é necessária a coragem para sermos imperfeitos. Mais que passarmos a vida à espera da situação ideal, da circunstância ideal, do dia ideal, do homem ideal ou mesmo da vida ideal, o importante é avançarmos seja em que circunstâncias for, darmos um passo a seguir ao outro. Sempre um passo a seguir ao outro.

 

Mais fácil assumirmos uma perfeição aceite do que uma imperfeição olhada de lado. Mais fácil esperarmos do que arriscarmos a avançar. Mais fácil, mas acredito que muito menos divertido.  

 

Marta Leal

Consultoria de Planos de Desenvolvimento Pessoal

CapaFB.jpg

 

 

O Plano de Desenvolvimento Pessoal surge da necessidade de cada um de nós precisar de se auto conhecer, compreender, aceitar, educar, treinar e obter ferramentas para viver de uma forma equilibrada.

 

Precisamos de explorar e conhecer o nosso mundo. Precisamos de saber onde estamos e para onde queremos ir. Para isso precisamos de estabelecer metas para podermos fazer escolhas, sabendo que estas escolhas implicam forçosamente perdas.

 

Fases do processo:

 

  • Análise do estado actual e do estado desejado;
  • Analisar competências pessoais e comportamentais, atitudes, pontos fortes e a melhorar, crenças limitadoras e possibilitadoras, valores,  formações, experiências.
  • Definição do Plano;
  • Aplicação do Plano: este plano deve ser feito em etapas e introduzido no dia a dia do individuo, através de tarefas que devem ser cumpridas para que a mudança ocorra de forma sustentada;
  • É importante que ao longo do cumprimento do Plano exista o acompanhamento de um mentor.

 

Todo este trabalho pode ser feito presencial ou por skype e tem dois momentos específicos:

 

A Análise da realidade e a definição do plano;

O acompanhamento da aplicação do Plano de Desenvolvimento Pessoal.

 

Se queres saber mais informações manda email:martaleal@outlook.pt

"Alice:"Você pode me ajudar?"
Gato: "Sim, pois não."
Alice:"Para onde vai essa estrada?"
Gato:"Para onde você quer ir?"
Alice:"Eu não sei, estou perdida."
Gato: "Para quem não sabe para onde vai, qualquer caminho serve."
Lewis Carol – Alice no País das Maravilhas

Lista de Valores

download (11).jpg

 

Os valores são aquilo que é importante para ti na tua vida. Ao conheceres os teus valores vais perceber o que te conduz nas tuas atitudes e nos teus comportamentos. Construir uma vida congruente com os nossos valores significa mais satisfação na forma como vivemos e maior significado no que fazemos.

É importante termos em atenção que os valores alteram consoante nós alteramos. Os valores também podem estar relacionados com a situação que vives em determinado momento.

No que diz respeito a valores não há certo nem errado.

Agora reflecte sobre os valores pelos quais te reges e lista-os!

E existem os que nos deixam de lágrimas nos olhos

images (19).jpg

 E o que me move diariamente são palavras como estas. Obrigada Marta Vasconcelos eu também gosto muito de ti!

 
"Conheci a Marta Leal em Julho de 2011. Um  encontro fortuito num evento de um fim-de-semana. Em Fevereiro de 2012 tive novamente a oportunidade de estar num evento, desta feita de uma semana, onde a Marta também estava presente.
Uma presença presente, atenta, mas de backstages.
Nesta altura da minha vida, o lugar onde me encontrava, Eu, o meu interior, era conturbado, confuso. Estava a fazer uma caminhada por um deserto que não conhecia. Senti muitas vezes que estava perdida, que já não sabia quem era, ou o que anda a fazer, o que procurava. Como a Alice que não sabia para onde queria ir... Pensava Eu.
A Marta Leal sentiu, pressentiu a minha caminhada e como na história da pegadas da areia, pegou-me ao colo. Não para me dar o peixe, mas para me guiar e levar a acreditar que Eu sabia pescar e que podia novamente fazê-lo!
Com um coração e uma alma GRANDE, de quem sente e tem a capacidade de se colocar no lugar dos outros, acolheu-me e juntas percorremos uma caminhada até aos dias de Hoje. Pois é, nunca mais a larguei. Não por uma dependência de quem precisa que lhe esteja sempre a indicar um caminho, mas sim por sentir que faz parte da minha vida.
Estou muita grata à Marta Leal, pelas sessões de Coach que me fizeram encontrar o meu caminho de volta à minha essência. E hoje considero a Marta Leal uma mentora. Alguém com quem "bato" umas bolas e valido que estou a jogar na primeira divisão e com o objetivo de ganhar o campeonato. Jogo todos os dias, com a certeza, que estou comprometida com a minha equipa, que é a minha família, os meus amigos, as minhas actividades profissionais e as actividades extra que desenvolvo. Todos os dias acordo com uma força anímica que agradeço e com a consciência que a minha responsabilidade é acrescida por estar, enquanto SER HUMANO, onde estou. O meu estádio de consciência é hoje, em grande medida, devido ao Coach que fiz com a Marta Leal.
Nem tudo são rosas, os espinhos são parte integrante das rosas, mas quando somos coerentes com quem somos, tudo tem outro sentido, significado!
És realmente uma mulher FANTÁSTICA, com uma capacidade "sui generis" de conhecer, perceber e ajudar quem quer ser ajudado através do Coach. Tens feito uma caminhada bonita e acima de tudo COERENTE e CONGRUENTE com quem és.
Só alguém assim, que está de alma e coração, na função que desempenha pode chegar onde chegastes.
Acredito Eu que irás muito para além do que És hoje, mas sempre COERENTE e CONGRUENTE.
GOSTO MUITO DE TI
 
 
PS Deixo-vos o poema que menciono no meu testemunho.
De alguém que se revê neste poema!
 
Pegadas na areia
 
Uma noite eu tive um sonho.
 
Sonhei que estava andando na praia com o Senhor
e através do Céu, passavam cenas da minha vida.
 
Para cada cena que se passava, percebi que eram deixados
dois pares de pegadas na areia;
Um era meu e o outro do Senhor.
 
Quando a última cena da minha vida passou
Diante de nós, olhei para trás, para as pegadas
Na areia e notei que muitas vezes, no caminho da
Minha vida havia apenas um par de pegadas na areia.
 
Notei também, que isso aconteceu nos momentos
Mais difíceis e angustiosos do meu viver.
 
Isso entristeceu-me deveras, e perguntei
Então ao Senhor.
"- Senhor, Tu me disseste que, uma vez
que eu resolvi Te seguir, Tu andarias sempre
comigo, todo o caminho mas, notei que
durante as maiores atribulações do meu viver
havia na areia dos caminhos da vida,
apenas um par de pegadas. Não compreendo
porque nas horas que mais necessitava de Ti,
Tu me deixastes."
 
O Senhor me respondeu:
"- Meu precioso filho. Eu te amo e
jamais te deixaria nas horas da tua prova
e do teu sofrimento.
Quando vistes na areia, apenas um par
de pegadas, foi exactamente aí que EU,
nos braços...Te carreguei."

Nós

 

images.png

 

"Numa reunião de pais, numa escola da periferia, a directora de turma referia o apoio que os pais devem dar aos filhos; pedia-lhes também que se fizessem presentes o máximo de tempo possível...

Ela entendia que, embora a maioria dos pais e mães daquela comunidade trabalhassem fora, deveriam encontrar  tempo para se dedicarem e entenderem os filhos.

Nessa reunião a Directora ficou surpreendida quando um pai se levantou e explicou, de uma forma bastante humilde que não tinha tempo de falar com o filho, nem de vê-lo, durante a semana, porque, quando ele saía para trabalhar, era muito cedo, e o filho ainda estava a dormir. Quando voltava , já era muito tarde, e o filho já tinha adormecido novamente.

Explicou, ainda, que tinha de trabalhar assim para sustentar a família, mas também contou que isso o deixava angustiado por não ter tempo para o filho e que tentava redimir-se, indo beijá-lo todas as noites quando chegava a casa. E, para que o filho soubesse da sua presença, ele dava um nó na ponta do lençol que o tapava. Isso acontecia religiosamente todas as noites quando ia beijá-lo. Quando o filho acordava e via o nó, sabia, através dele, que o pai tinha estado ali e o tinha beijado.

O nó era o meio de comunicação entre eles.

A directora emocionou-se com aquela história e ficou surpresa quando constatou que o filho desse pai era um dos melhores alunos da escola.

Esta história faz-nos refletir sobre as muitas maneiras de as pessoas se fazerem presentes, de comunicarem com os outros. Aquele pai encontrou a sua, que era simples, mas eficiente. E o mais importante é que o filho percebia, através do nó afetivo, o que o pai lhe dizia.

Por vezes, importamo-nos  tanto com a forma de dizer as coisas e esquecemos o principal, que é a comunicação através dos sentimentos; simples gestos como um beijo e um nó na ponta do lençol, valiam, para aquele filho, muito mais do que presentes ou desculpas vazias. É válido que nos preocupemos com as pessoas, mas é importante que elas saibam, que elas sintam isso.

Para que a comunicação exista é preciso que as pessoas "ouçam" a linguagem do nosso coração, pois, em matéria de afeto, os sentimentos falam sempre mais alto que as palavras.

É por essa razão que um beijo, revestido do mais puro afeto, cura a dor de cabeça, o arranhão no joelho, o medo do escuro.

As pessoas podem não entender o significado de muitas palavras, mas sabem registrar um gesto de amor. Mesmo que esse gesto seja apenas um nó... Um nó cheio de afeto e carinho."

autor desconhecido

E você, já deu algum nó afetivo hoje?