Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Irreverências No Feminino

By Marta Leal

Irreverências No Feminino

By Marta Leal

A lebre e a tartaruga

A lebre passava a vida  a gabar-se de que era o mais veloz de todos os animais. Até o dia em que encontrou a tartaruga.


– Eu tenho certeza de que, se apostarmos uma corrida, serei a vencedora – desafiou a tartaruga.

A lebre riu a bom rir.
– Uma corrida? Eu e tu? Ia ser lindo!

– Por acaso estás com medo de perder? – Perguntou a tartaruga.

– É mais fácil um leão cacarejar do que eu perder uma corrida contigo – respondeu a lebre.

No dia seguinte escolheram a rapaosa para ser a juíza da prova. Bastou dar o sinal de partida para a lebre correr a toda velocidade. A tartaruga não se perturbou e continuou na corrida A lebre estava tão certa da vitória que resolveu fazer uma sesta.

"Se aquela molengona me passar à frente frente, é dar uma corrida que a apanho" – pensou.

A lebre adormeceu profundamente tanto que nem deu pela tartaruga a ter passado. Quando acordou, continuou a correr com ares de vencedora. Mas, para sua surpresa, a tartaruga, que não descansara um só minuto, já tinha cruzado a meta em primeiro lugar.

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D