Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Irreverências No Feminino

By Marta Leal

Irreverências No Feminino

By Marta Leal

Fale-se de amor

 

Hoje fale-se de amor. Fale-se daquele amor que nos faz sorrir e flutuar. fale-se daquele amor que nos coloca as mãos transpiradas e o coração a palpitar. Fale-se daquele amor que nos faz sentir no topo do mundo. Fale-se do amor onde o um é o complemento do outro. Fale-se do amor que nasce de duas almas que decidiram unir corpos. Hoje sorria-se na vontade e na fome do outro. Hoje sorria-se na fusão de dois que momentaneamente se tornam um. Hoje fale-se de um amor natural que mais do que pensado é sentido sem lógica apenas numa sincronicidade de quereres.

 

Um dia com sabor a amor, muito amor.

 

Marta Leal

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.