Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Irreverências No Feminino

By Marta Leal

Irreverências No Feminino

By Marta Leal

Serenidade

 

(imagem retirada da net)
 

Gosto tanto de estar comigo que sinto a minha falta quando não consigo estar. E é nessa altura que me afasto e me recolho. Depois tenho aqueles momentos de prazer seja a caminhar, seja a ouvir o mar, seja a correr na praia. Sozinha eu e os meus guias, as minhas vivencias, os meus sonhos. E é aí que reside aquilo que eu considero ser a minha fonte de energia os momentos comigo que me permitem que esteja tão bem com os outros.

um dia com sabor a serenidade, muita serenidade.

2 comentários

Comentar post