Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Irreverências No Feminino

By Marta Leal

Irreverências No Feminino

By Marta Leal

Dê-lhe a sua mão

Um homem estava atolado num pântano no norte da Pérsia. Somente sua cabeça ainda estava fora do lamaçal. Com toda a força dos pulmões, ele gritou por ajuda. Logo acorreu uma multidão de pessoas ao lugar do infortúnio. Uma delas resolveu tentar ajudar o pobre homem.

"Dê-me sua mão", gritou para ele, "eu vou tirá-lo do lamaçal."

Mas o homem que estava atolado na lama continuou gritando por ajuda e não fez nada que permitisse ao moço ajuda-lo.

"Dê-me sua mão", o moço pediu várias vezes.

Mas a resposta era sempre o mesmo grito de desespero por ajuda.

Então outra pessoa aproximou-se e disse:

"O Senhor não vê que ele nunca vai lhe dar a mão? O senhor é que tem de dar a mão a ele. Aí então poderá salvá-lo."

Do livro: O Mercador e o Papagaio Nossrat Peseschkian - Papirus Editora

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.